Publicidade
Rede Globo exibe “Branca de Neve e os Sete Anões” na tarde do Natal

Surpreendendo a todos, a Rede Globo divulgou hoje em sua programação, que na tarde do dia 25 de dezembro, dia de Natal, os fãs dos clássicos de Walt Disney não vão desgrudar da televisão, pois o primeiro longa-metragem de animação da história do cinema, o clássico “Branca de Neve e os Sete Anões” (Snow White and the Seven Dwarfs), será exibido pela primeira vez na televisão aberta.

A amável princesa de nobre coração, Branca de Neve, é adorada por todas as criaturas do reino, menos uma. A Rainha, sua invejosa madrasta. Quando o Espelho Mágico declara Branca de Neve como sendo a mais bela de todas, ela foge para a floresta, onde conhece sete adoráveis anões: Dunga, Mestre, Feliz, Dengoso, Soneca, Zangado e Atchim. Mas quando a Rainha engana Branca de Neve com uma maçã envenenada, somente a magia de um beijo do verdadeiro amor poderá salvá-la!

A estréia de “Branca de Neve e os Sete Anões” acontece no sábado, dia 25 de dezembro de 2010, na Rede Globo. Em breve o Planeta Disney apresentará mais informações e o horário da estreia do grande clássico Disney, na TV aberta. Abaixo, segue dois trailers raros do animado:

TRAILER 1994

Link: http://videolog.uol.com.br/video?487313

TRAILER 2001

Link: http://videolog.uol.com.br/video?487327

Abaixo confira curiosidades sobre a produção:

– Individualmente, cada um dos anões representa um tipo de personalidade humana geralmente encontrada na maioria dos escritórios, escolas e bairros.

– Outros nomes inicialmente cogitados para os anões incluíram: Wheezy, Puffy, Stuffy, Biggo-Ego, Jumpy, Baldy, Nifty, Gabby, Stubby e Burby.

– Seis dos famosos anões têm sobrancelhas idênticas às sobrancelhas expressivas do próprio Walt Disney, que fascinavam todos aqueles que participavam das reuniões de história com ele. As sobrancelhas de Walt se mexiam sem parar, contribuindo para expressar melhor aquilo que ele queria transmitir. Os artistas decidiram usar essa semelhança, embora Feliz seja o único diferente do grupo, com sobrancelhas brancas e espessas.

– Esses anõezinhos de bochechas redondas e rosadas como maçãs, cuja estatura bate à altura dos joelhos do Pato Donald, ganhavam a vida em sua própria mina, de onde, diariamente, extraíam ouro, rubis, esmeraldas, diamantes, safiras e outras pedras preciosas. Um trabalho para poucos privilegiados!

– À exceção de Dunga, os anões se vestem com jaquetas em tons terrosos avermelhados, marrons, caramelos e cinzas sobre calças de cores neutras com a boca enfiada por dentro de seus sapatos de couro macio.

– Desde o início, estabeleceu-se que, ao conhecer os anões, o público deveria ter a sensação de que nada mudara na vida desses homenzinhos há centenas de anos. Em sua rotina agradável e meio monótona, tudo segue de acordo com o programado. A chegada surpreendente de Branca de Neve em sua casa abala claramente a vida desses cavalheiros.

– A higiene pessoal dos anões, em geral, não é uma prioridade, uma vez que tomar banho e se lavar ocorrem, aparentemente, em raras ocasiões, como, por exemplo, algum evento anual importante como o Ano Novo. Entretanto, intimados por Branca de Neve, os anões respeitosamente procuram demonstrar modos à mesa e se lavam antes de comer!

– No final de 1936, ficou decidido que Mestre seria o líder do grupo.

– Ainda na fase inicial, foi estabelecido que os anões levariam picaretas, em vez de pás ou sacos, no trajeto de ida e volta da mina de diamantes. Inicialmente, Dunga havia sido designado para carregar um lampião balançante pendurado na sua picareta, mas, ao final, é Mestre quem lidera o grupo com a sua lanterna.

– Outro ponto em comum: todos têm apenas 3 dedos e o dedão.

– O desenho definitivo dos sete anões foi aprovado no final de 1936.

– Os sete anões apareceram juntos em vários curtas-metragens comerciais pouco após o lançamento de Branca de Neve e os Sete Anões, incluindo: The Standard Parade – 1939, The Seven Wise Dwarfs – 1941, All Together – 1942 e The Winged Scourge – 1943.

Comentários